Campo grande participa da “Guerra de Travesseiros” pela segunda vez

Val Reis – Fontes: MKT Mais

No dia 3 de abril Campo Grande participa da segunda edição do Dia Mundial da Guerra de Travesseiros. O evento acontecerá na Praça do Rádio Clube, às 16h04, e o público esperado é de 60 pessoas. Trata-se do Pillow Fight Day, um flash mob que iniciou no Canadá, em 2006 e se espalhou. A ideia original é do grupo “New Mind Space”. Hoje, eles mantêm um site específico para cadastrar todas as cidades que vão aderir ao movimento ao redor do mundo.

No ano passado, somente no Brasil, foram 27 cidades “guerreando” ao mesmo tempo. O evento contou com 3 mil participantes no país todo. Este ano, já são 30 as cidades cadastradas. O organizador do evento em Campo Grande, Daniel da Silva Costa, Engenheiro da Computação, resolveu aderir ao movimento por se tratar de algo inusitado. “Em 2009, fiquei sabendo do evento duas semanas antes da data marcada. Achei interessante e convidei alguns amigos para ajudar a divulgar. Essas duas semanas foram suficientes para enviar e-mails, promover pelo orkut e convidar vários amigos. Muita gente preferiu ficar olhando, não participou, mas foi bacana, as pessoas que compareceram se divertiram bastante.”

Costa afirma ainda que depois do evento, todos os participantes se juntam para limpar o local e deixar como encontraram. “Este ano acredito que haverá mais que o dobro de participantes do ano passado”, afirma.

Mas o que vem a ser Flash Mob?

Segundo o Wikipedia.org, Flash Mobs são aglomerações instantâneas de pessoas em um local público para realizar determinada ação inusitada previamente combinada, estas se dispersando tão rapidamente quanto se reuniram. A expressão geralmente se aplica a reuniões organizadas através de e-mails ou meios de comunicação social. Este novo formato de marketing de mobilização de pessoas está ganhando força nos últimos anos, exatamente por causa da popularização das redes sociais. Embora alguns defendam que flash mob não tem cunho mercadológico, campanhas publicitárias, lançamento de produtos ou serviços e mesmo campanhas de cunho social utilizam ações de flash mob, buscando com isso, despertar curiosidade e chamar a atenção da mídia, aumentando a publicidade espontânea.

Segundo Jony Lan, especialista em estratégia, marketing e novos negócios, “enquanto os trabalhos tradicionais de marketing utilizam campanhas de incentivo, como prêmios, concursos culturais, etc. A nova tendência simplesmente usa a seu favor a vontade destas pessoas em participar de um movimento, se expressar e de fazer diferença. Sentir orgulho de poder dizer que esteve lá e viu tudo.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s